17 março, 2016

Meditação - O começo

(Imagem retirada daqui)

O prometido é devido, por isso, hoje partilho um bocadinho mais sobre a experiência da meditação. Para quem nunca meditou, pode parecer muito complicado ficar parado e abstraído de tudo o resto. No início, também eu sentia dificuldades. O segredo é não desistir logo à primeira pois, quanto mais meditamos, mais fácil e natural se torna.

Para quem quer começar a meditar, o primeiro exercício que é sugerido por vários especialistas na área, é o exercício da respiração (ou meditação da respiração). Este exercício é super simples e pode também ser usado como técnica de relaxamento. Basicamente, consiste em tomarmos consciência da nossa respiração, do simples acto de respirar. Com a correria dos dias e da vida, nem nos apercebemos que respiramos. Só quando nos falta o ar ou sentimos que respiração nos parece difícil ou ofegante é que nos lembramos da importância de respirar. Pode parecer um conceito simplista este, mas, afinal, não é nas coisas mais simples que reside a verdadeira importância? Concentrarmo-nos na nossa respiração é a melhor forma de preparar a mente e o corpo para o acto meditativo.

O exercício de respiração que vos proponho hoje é o seguinte:

- Sentem-se num lugar calmo e confortável;

- Podem acender uma vela ou um incenso e colocar uma música de fundo*;

- Fechem os olhos e respirem profundamente três vezes;

- Deixem a respiração voltar ao normal e concentrem-se nela; concentrem-se no ar que entra e que chega a todas as células; concentrem-se no ar que sai calmamente, retirando do corpo o que é tóxico;

- Dividam a respiração em quatro fases: inspiração - pausa - expiração - pausa;

- Inspirem e façam uma pausa; depois, expirem lentamente e façam uma nova pausa; repitam este processo algumas vezes, enquanto for confortável; depois, retomem a respiração normal;

- O importante é manter a atenção e a concentração na respiração, sentir o ar a entrar e a sair pelas narinas, a caixa torácica a expandir-se e a relaxar;

- No final, respirem profundamente três vezes e podem retomar o vosso dia.

- O tempo estipulado para este tipo de exercício é cerca de dez minutos, mas podem fazê-lo durante o tempo que acharem necessário.

Este exercício é muito simples e muito eficaz. Ao fim de uma ou duas semanas irão notar que já conseguem concentrar-se melhor e abstrair-se do mundo envolvente. No fundo, o objectivo grande da meditação é mesmo esse, criar um tempo só para nós, um tempo de silêncio, de paz e de contemplação interior.

*Vou deixar-vos o link de um áudio que eu uso muitas vezes para meditar. É uma música muito suave e relaxante, indicada para meditar e também para os tratamentos de Reiki e auto-Reiki.  

10 comentários:

  1. meditar ajudou-me imenso e é uma mais valia. Adoro :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A mim também me tem ajudado imenso e já não passo sem meditar!

      Eliminar
  2. great post :)

    http://trapeziovermelho.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  3. a minha terapeuta está sempre a recomendar-me fazer este género de exercícios de respiração

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estes exercícios também são muito bons para o relaxamento e para acalmar!

      Eliminar
  4. Que bom post! Nunca fiz meditação per se, mas faço exercícios deste tipo nos ensaios do teatro e são "mágicos" mesmo. Tomar consciência do funcionamento do nosso corpo é algo transcendente, temos uma ferramenta maravilhosa e nem nos apercebemos disso!

    Jiji

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo isso Joana, com a correria dos dias não nos apercebemos nem valorizamos o nosso corpo e a forma harmoniosa como ele funciona! Já tens as bases para começar a praticar meditação :)

      Eliminar
  5. Já tentei fazer meditação. Usava uma aplicação, a Headspace, mas acabei por desistir porque tenho realmente muita dificuldade em me concentrar em "nada". Acabo por ficar a pensar em "não penses em nada, não penses em nada" e não vou a lado nenhum..
    Mas hei-de tentar novamente, seguindo os teus conselhos. Vou fazer figas, porque gostava mesmo de conseguir :)

    ResponderEliminar