24 novembro, 2015

Dos últimos dias


Os últimos dias não têm sido fáceis. Na semana passada tive mais uma consulta com a reumatologista, por causa destas dores nas costas que não acabam. Ainda vou fazer mais uma série de exames, mas tudo indica que seja uma doença que já conheço bem: fibromialgia. A minha mãe foi diagnosticada com fibromialgia há cerca de quatro anos, mas já há muito que sofria com dores incapacitantes nas pernas. Agora parece que é a minha vez. Os meus sintomas são a nível das costas e, mais recentemente, dos braços. Além das dores, tenho sentido um cansaço imenso e falta de força muscular. Esta semana vou fazer os últimos exames para despistar outras possíveis doenças e assim fechar o diagnóstico e começar o tratamento. Entretanto, já comecei a fazer caminhadas diárias de 1 hora e ando a procurar aulas de Pilates, pois dizem que ajuda. Também vou começar a fazer sessões de acupunctura. Tudo para não ter de viver agarrada a analgésicos fortes para o resto da vida. A ver vamos como corre tudo.

15 comentários:

  1. Que notícia má... =/ espero que melhores com o exercício físico..viver agarrada a analgésicos nunca é bom, mas por vezes não há grande solução. As melhoras!!
    Beijinhos*

    Comecei a seguir o teu blog, gosto do que tens publicado por aqui!:)
    Faz uma visita também ao meu e espero que também gostes..
    http://nuancesbyritadias.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Espero que te corra tudo bem e que tenhas muita força!
    Beijinho*

    ResponderEliminar
  3. esperemos mesmo que ajude :S Também vou tentar a minha sorte fora da medicina "normal", vamos lá ver.
    As melhoras querida :)

    ResponderEliminar
  4. Espero que corra tudo bem... Muita força

    ResponderEliminar
  5. Vai correr bem querida,pensamento positivo, eu fui diagnosticada com Doença de Crohn em Agosto deste ano e desde aí a minha vida é só médicos, mas a vida é mesmo assim, força!

    ResponderEliminar
  6. A minha mãe sofre disso e é horrível. Sofre aos anos mas só há pouco tempo foi diagnosticada até porque é uma doença muito desprezada, ainda. :/ Força!

    ResponderEliminar
  7. Desejo-te as melhoras dia-a-dia e espero que tudo corra pelo melhor! *

    ResponderEliminar
  8. Oh :( Muita força Catarina!
    Espero que tudo se resolva pelo melhor!

    ResponderEliminar
  9. Vai correr tudo super bem minha querida, estou a torcer por ti!

    ResponderEliminar
  10. Esperemos que o pilates ajude a combater as dores, não imagino o quão horrível deve ser andar cheia de dores de costas sem passarem...
    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  11. Só posso desejar que resulte mesmo. É impossível imaginar o que será viver com qualquer tipo de dores que se tornam incapacitantes. Só mesmo quem passa pelo mesmo. E é uma doença da qual não se ouve muitos testemunhos. Espero que pelo menos com o diagnóstico formado as coisas vão melhorando, pois já se sabe as melhores formas de a combater :) muita sorte e força ! *

    ResponderEliminar
  12. As minhas duas melhores amigas sofrem de fibromialgia. Sofrem imenso. Mas, curiosamente, são das pessoas com mais dinamismo e boa disposição que conheço. Acxho que acabaram por aprender a viver com a dor constante.

    ResponderEliminar
  13. Força querida, espero que consigas ultrapassar isso bem depressa.

    ResponderEliminar